Morales transforma direitos indígenas proclamados pela ONU em lei

Morales assina a nova lei, ao lado do vice-presidente e da ministra da Justiça

LA PAZ (AFP) – O presidente boliviano, Evo Morales, tornou-se na noite desta quarta-feira o primeiro presidente do mundo a elevar à condição de lei a Declaração dos Direitos dos Povos Indígenas, aprovada em setembro pela Organização das Nações Unidas Unidas (ONU).

Morales, o primeiro indígena a governar o país andino em seus 182 anos de história republicana, assinou a lei dos povos indígenas em uma cerimônia realizada no Palácio Quemado diante mil camponeses e representantes de diferentes etnias e grupos aborígenes.

A ONU, em um comunicado difundido em La Paz, parabenizou a Bolívia por promulgar a declaração como lei.

A declaração da ONU – aprovada depois de 20 anos de debates e apesar da oposição da Austrália, Canadá, Nova Zelândia e Estados Unidos -, reconhece o direito que os 300 milhões de indígenas no mundo têm à autodeterminação e estabelece para eles padrões globais de direitos humanos.

Fonte: AFP

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s