ProLer:Índios lendo Índios. Encontro vai debater ações de incentivo a leitura

Encontro Nos dias 28, 29 e 30 deste mês, será realizado o III Encontro Alagoano do Proler – programa do Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas – com ações para o incentivo da leitura e o I Encontro Estadual de Gestores de Biblioteca Pública Estadual. O papel da biblioteca e da leitura na formação do cidadão serão temas de debate O evento, que acontecerá no Sesc-Guaxuma, vai reunir educadores, leitores, escritores, gestores de bibliotecas públicas e artistas que terão a oportunidade de compartilhar experiências positivas sobre as diferentes modalidades de leitura, que servirão para novas práticas dentro e fora da biblioteca.
A abertura do evento acontece nesta quarta-feira (28), às 9 horas, com apresentação do coral surdo e mudo da Escolar Tavares Bastos. Em seguida será proferida a palestra, “Com palavras e sonhos se constrói o encanto de Ler”, da professora de Psicologia da Educação, Aglaé D’ Ávila Fontes, que também é escritora e membro da Academia Sergipana de Letras O evento prossegue até o dia 30 com palestras e oficinas.
Para o secretário de Estado da Cultura, Osvaldo Viégas, a realização do I Encontro Estadual de Gestores de Biblioteca Pública Estadual é um espaço aberto a aos educadores, à comunidade universitária com objetivo de articular as estratégicas que despertem e promovam a leitura como um ato de prazer e de cidadania.
Segundo a diretora do Sistema Estadual de Biblioteca, Wilma Nobrega, os brasileiros lêem apenas 1,8 livros por ano, enquanto na Argentina são 2,5 e na França são sete livros por ano. “Sabemos que a realidade do país faz com que os brasileiros não possam comprar livros. Mas o nosso trabalho no Proler é estimular a leitura nas bibliotecas públicas e nas salas de aulas através dos profissionais da educação que são os principais agentes na escola e comunidade”, afirma Nóbrega
Para a diretora, o Proler é muito esperado pelos educadores, porque é um encontro de capacitação. Ela também destaca a multiculturais do evento que conta oficinas, como por exemplo, de libra (surdo e mudo) e de braile (cegos). Outra oficina que deve despertar interesse dos educadores é Índios lendo Índios com os Kairiri-Xocó. Ao todo, serão 19 oficinas que acontecem todos os dias das 14 às 17 horas.
Os participantes do evento terão acesso, durante o evento, ao Expresso do Saber, das 9 às 17 horas. O Expresso do Saber é uma biblioteca volante com 1.500 volumes que tem objetivo levar a leitura em qualquer lugar do Estado. O projeto é parceria entre Secult e o Instituto Arnon de Melo.
Bibliotecas – O Proler em Alagoas atua desde 2001, por meio da iniciativa da Secretaria de Estado da Cultura juntamente com o Sistema de Bibliotecas Publicas e Sistema Nacional de Nacional de Bibliotecas Públicas que coordena a instalação e modernização das bibliotecas públicas municipais.
O III Encontro Alagoano do Proler e o I Encontro Estadual de Gestores de Biblioteca Pública Estadual é uma realização da Secretaria de Estado da Cultura e conta com o apoio do Instituto Arnon de Mello, Ministério da Cultura, Sesc Alagoas, Uneal, Fundação Raimundo Marinho, Organização Arnon de Mello, Integração Universal, Instituto Engenho de Idéias, THYDEAWS, Movimento Internacional pela Paz e não Violência, Maceió Vonluntário, Divina Gula, Hotel Ponta Verde, Jatiúca Hotéis e Resorts, Carlito e Akuaba.

Fonte:Agência Alagoas / Gazeta Web.Com

http://gazetaweb.globo.com

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s