Seminário aborda situação indígena

Um seminário promovido pelo Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Proteção às Comunidades Indígenas (CAOP Indígena), do Ministério Público do Paraná (MP-PR), trouxe para a Capital várias personalidades para discutir os direitos fundamentais dos índios e das populações tradicionais em vários aspectos.
O seminário “Uma Visão Indígena – História e Atualidade”, tem como convidados figuras ilustres, como o cacique Raoni Metuktire, do Xingu, Marcos Terena, diretor do Memorial dos Povos Indígenas, museu da cultura indígena da capital federal, Sydney Ferreira Possuelo, que tem 42 anos de atuação junto a comunidades indígenas isoladas, Romancil Gentil Cretã, coordenador da Articulação dos Povos Indígenas do Sul, Edívio Battistelli, assessor para Assuntos Indígenas no Paraná e Antonia Lelia Neves Sanches, procuradora Regional da República no Estado.
O seminário começou ontem, e terminou nesta tarde com vários debates na sede do MP. De acordo com o coordenador do CAOP, promotor de Justiça Luiz Eduardo Canto Azevedo Bueno, o evento “é uma oportunidade para debates não apenas jurídicos, mas de fundo indigenista, antropológico, histórico e sociológico, a respeito da realidade pretérita e atual desses povos”.

Fonte: Bem Paraná
http://www.bemparana.com.br

Anúncios

Um Comentário

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s