TV Cultura apresenta documentário inédito sobre índios

panks.jpgencatados.jpg
PERNAMBUCO – PE aldeia Brejo dos Padres
encatados-sp.jpg
SÃO PAULO  –
Índios dançam no filme “Do São Francisco ao Pinheiros”, que a Cultura exibe neste domingo
A TV Cultura exibe no próximo domingo (23), às 18h, o documentário inédito “Do São Francisco ao Pinheiros”. O filme foi rodado em 2007, com direção de Paula Morgado e João Cláudio de Sena.
Ele conta a história de migração dos índios Pankararu, originários da aldeia Brejo dos Padres, próxima às margens do Rio São Francisco, no sertão pernambucano. Eles começaram a chegar a São Paulo em meados dos anos 50, fugidos da seca, da fome e dos conflitos com posseiros de terra.


Muitos se fixaram na favela do Real Parque, próximo ao rio Pinheiros, onde vivem cerca de 500 pessoas. No entanto, atualmente, cerca de 1.500 estão espalhados pela capital, em busca de sonhos e uma nova forma de vida. A maioria vive nas áreas periféricas, como Capão Redondo, Paraisópolis, Grajaú e Jardim Sônia Maria e na região metropolitana, como Guarulhos, Osasco, Francisco Morato e Mauá.
Segundo a realizadora, um dos principais objetivos do documentário é mostrar a luta dos Pankararu em preservar sua identidade tanto na terra natal, como longe dela, além de descobrir o porquê de escolherem São Paulo, que sonhos trouxeram, o que esperavam dessa viagem e o que mudou ao longo desses quase 60 anos.
O documentário tem produção do Lisa (Laboratório de Imagem e Som em Antropologia da USP) e da ONG Ação Cultural Indígena Pankararu. O filme será reapresentado pela Cultura no dia 28, às 20h.

Ficha técnica

Direção: João Cláudio de Sena e Paula Morgado
Pesquisa e Pré-Roteiro: Paula Morgado e Sérgio Pecci
Edição e Câmera: João Cláudio de Sena
Finalização: Fernanda Frasca
Bitola original: DVCAM
Paisagem sonora: João Cláudio de Sena e Priscilla Ermel
Pós-Produção Sonora: André Ferraz
Produção São Paulo: Sérgio Pecci
Produção Pernambuco: Dimas do Nascimento
Produção Executiva: João Cláudio de Sena e Paula Morgado
Música: Grupo Armchair Traveller (Berlim): Silvia Ocougne, Hella von Ploetz, Sebastian Hilken e Werner Durand; Gean Ramos (Paraíba); Cantos pankararu (SP e PE)
Produção: LISA – Laboratório de Imagem e Som em Antropologia/USP e Ação Cultural Indígena Pankararu.
Apoio: FAPESP, USP, LISA, DASLU, CUFA.

Fonte:Folha Online
http://www1.folha.uol.com.br

Anúncios

  1. carmem pankararu

    O documentario é muito legal, tudo aparece de forma real, é assim o dia -a-dia do povo pankararu. O que exige maior reflexão é a trilha sonora, com as letras fantastica do cantor indígena Gean Ramos, que retrata a realidade como é na sua comunidade. Parabens a produção do documentario e parabens a Gean Ramos pelas músicas.

  2. sara andrade

    fiquei feliz com o documentário,pois retratou um pouco do cotidiano dos pankararu, mostrando a cultura que ainda exite de forma presente entre esse povo.resalto também,o desenvolvimento intelectual de alguns deles, pois observei o quanto tem crescido a musicalidade através de um grande compositor Gean Ramos que teve a participação com as músicas que ouvimos no documentário, como Cartão postal de Pankararu que o retrato real da adeia.parabéns a produção e a TV Cultura por abrir esse espaço.

  3. Ana Ramos

    parabéns pelo documentário do São Francisco ao Pinheiro!!!um documentário muito bom que realmente retrata a realidade de um povo,que luta pra manter sua cultura suas origens;mesmo morando distante da sua aldeia eles tentam manter seus costumes e rituais.Quero retratar também as músicas que fazem parte do roteiro,músicas essas que trazem letras com conteúdos específicos da realidade do seu povo.Parabéns pela escolha da trilha sonora parabéns Gean Ramos!!!!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s