Funai forma grupos e vai iniciar estudo para demarcação

Funai forma grupos e vai iniciar estudo para demarcação
HOME PAGE CAMPO GRANDE NEWS, 28.05.2008
Aline dos Santos

A Funai (Fundação Nacional do Índio) deve iniciar em junho o estudo antropológico em 36 áreas indígenas de Mato Grosso do Sul. De acordo com a assessoria de imprensa do órgão, foram formados seis grupos de
trabalhos. Ontem, os antropólogos se reuniram com o coordenador de identificação e delimitação da Funai. O estudo foi determinado por um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) e deveria ter começado em maio.
Contudo, mesmo sem ter começado, a avaliação já desperta reações contrárias e pode ser barrado na justiça federal por iniciativa do município de Rio Brilhante. A acirrada disputa por terra entre índios e produtores rurais marca com violência a história do Estado. Para os contrários ao estudo, o TAC fere o direito de propriedade e não é um processo democrático, pois não prevê mecanismo para ressarcir os produtores; para os favoráveis, o termo é o primeiro passo para pôr fim a situação de confinamento e violência nas aldeias. Pela legislação, o governo federal paga apenas pelas benfeitorias, pois toda terra indígena pertence à União. O TAC foi assinado em novembro do ano passado entre o Ministério da Justiça, Ministério Público Federal, Funai e 23 lideranças indígenas. O prazo final para entrega dos resultados foi estabelecido para abril de 2010.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s