STF libera construção de hidrelétricas em Mato Grosso

BRASÍLIA – O presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes,
cassou a liminar que paralisava a construção de cinco hidrelétricas no
Rio Juruena, em Mato Grosso. A decisão favorece ex-sócios do
governador Blairo Maggi, autor do pedido de liberação das obras e dono
de empresa que pretende erguer outras quatro usinas no mesmo rio,

segundo reportagem do Globo. As hidrelétricas estão no centro de uma
batalha judicial que opõe Maggi aos índios e ao MPF, como mostrou
reportagem do GLOBO no início do mês. O procurador da República Mário
Lúcio Avelar vê conflito de interesses, já que o governador acionou
advogados do estado para atuar numa causa que beneficia uma de suas
empresas, a Maggi Energia. Ele diz ainda que licenciamento está cheio
de vícios. Para o Ministério Público Federal, as hidrelétricas
receberam licenças irregulares do governo mato-grossense e, se forem
erguidas, vão inviabilizar a pesca em reservas indígenas.
HOME PAGE O GLOBO ON LINE

Fonte: ANAI /Clipping da 6ªCCR do MPF.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s