Povo Xukuru realiza encontro de cultura indígena

O povo Xucuru, indígenas que habitam a Serra do Ororubá, em pesqueira, dão início nesta sexta-feira (18/07/08)ao Encontro de Juventude, Arte e Culturas Indígenas. O evento segue até domingo com a participação de 300 jovens atores, contadores de histórias, dançadores e cantadores de toré e coco, artesãos, entre outros artistas dos povos indígenas de Pernambuco. Neste ano, o encontro, que acontece na Aldeia Cimbres, em Pesqueira, homenageia o Cacique Xicão Xukuru, assassinado há 10 anos num conflito de terra na região.

Além de promover uma mostra sobre a cultura indígena em Pernambuco, o encontro também vai servir para discussões sobre as políticas públicas para as culturas indígenas em Pernambuco e para o debate da proposta Pernambuco Nação Cultural, desenvolvida pelo Governo do Estado, através da Fundarpe.

O encontro, que não é aberto ao público, conta com a participação de povos indígenas de Pesqueira, Buíque, Ibimirim, Águas Belas, Floresta, Carnaubeira da Penha e Cabrobó, além de dois povos da Paraíba, Potiguara e Tabajara. “Este é o primeiro encontro deste tipo no estado. Esperamos fortalecer a articulação entre os povos do estado, principalmente na área de políticas culturais”, resume Jozelito Arcanjo, da Estação Cultural.

Programação
Local: Aldeia Vila de Cimbres, terra indígena Xukuru, Serra do Ororubá, Pesqueira

*Sexta-feira (18)
*A tarde – chegada dos participantes
*Jantar
*Toré de todos os povos
*Partilhando as experiências, propostas e iniciativas
*Comissão Estadual de Juventude Indígena
*Apresentações

*Sábado (19)
*Toré
*Palestra e debate “A construção do Direito a partir da Arte” com Rosane Lacerda, da Universidade de Brasília, do projeto O Direito achado na rua.
*Palestra e debate “O movimento cultural e a via campesina”, com Paula Pereira
*Almoço

As Políticas Públicas para as Culturas Indígenas com:
*Apoinme, Copipe, Articulação dos jovens
*Ministério da Cultura – MinC \SPPC\SID
*Fundação Nacional do Índio – Funai
*Secretaria Especial de Cultura de Pernambuco
*Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco – Fundarpe
*Secretaria de Juventude de Pernambuco
*Comitê Estadual de Promoção da Igualdade Étnico Racial de Pernambuco – Cepir
*Debate
*Trabalho em grupo indicação das prioridades e produção do documento do encontro.
*Jantar
*Encenação dos mitos, debate e entrega dos certificados – quatro apresentações
*Festejar o encontro com o Coco Origem do Ororubá e outros artistas indígenas e não-indígenas.

*Domingo (20)
*Encenação dos mitos, debate e entrega dos certificados – cinco apresentações
*Leitura do documento final
*Toré de encerramento

Fonte:PERNAMBUCO.COM
http://www.pernambuco.com

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s